Moço de esporas

homem de pé.

Fonte: Bluteau, 1712-1728, vol. V, p. 526. AR